Quinta, 20 de Junho de 2024 05:25
(44) 99854-8707
17°

Tempo limpo

Goioerê, PR

Dólar com.

R$ 5,42

Euro

R$ 5,83

Peso Arg.

R$ 0,01

Política Nacional PLANEJAMENTO

Em Fórum de Gestores Públicos, governador reforça que planejamento induz crescimento

O fórum, organizado pela Secretaria de Estado de Planejamento (SEPL), vai até sexta-feira (8) e tem a participação de membros do Conselho Nacional de Secretários Estaduais de Planejamento (Conseplan), que congrega secretários da área de todo o País. Também participam do fórum prefeitos e secretários municipais.

07/03/2024 14h42
Por: José Lopes Rodrigues Fonte: AEN
Em Fórum de Gestores Públicos, governador reforça que planejamento induz crescimento

O governador Carlos Massa Ratinho Junior apresentou nesta quinta-feira (7) como o planejamento tem feito diferença no desenvolvimento do Paraná. Ele participou do Fórum Estadual de Gestores Públicos em Foz do Iguaçu, no Oeste do Paraná, no qual indicou que os bons índices do Estado são resultado de uma estratégia lançada no início da gestão, em 2019.

O fórum, organizado pela Secretaria de Estado de Planejamento (SEPL), vai até sexta-feira (8) e tem a participação de membros do Conselho Nacional de Secretários Estaduais de Planejamento (Conseplan), que congrega secretários da área de todo o País. Também participam do fórum prefeitos e secretários municipais.

“Há um ditado que diz que quando você não sabe para onde vai qualquer estrada serve. Nós no Paraná decidimos pegar uma estrada certa. Por isso implantamos no Estado a cultura do planejamento, o que já é feito na Ásia, na Europa e nos Estados Unidos. E estamos agora colhendo bons frutos”, destacou o governador.

Ratinho Júnior citou alguns índices que são resultado do planejamento e que têm feito do Paraná destaque nacional, como o maior crescimento econômico entre todos os estados em 2023. Segundo o Banco Central, o Paraná cresceu 7,8% no ano passado, resultado maior do que a média nacional, que ficou em apenas 2,45%.

“O planejamento faz diferença porque se reverte em emprego, em crescimento da economia. Antes, os governadores, os prefeitos, se importavam apenas com os seus mandatos. Mudamos isso para que fiquem legados de fato ao estado e aos municípios”, afirma o governador.

No pilar desenvolvimento social, o governador citou o programa Asfalto Novo Vida Nova, parceria do Governo do Estado com a Assembleia Legislativa, que na primeira fase investiu R$ 664 milhões em 146 municípios. Para a segunda fase, estão previstos mais R$ 132 milhões para 38 municípios.

“Estamos urbanizando 100% da parte urbana dos municípios, não só com pavimentação, mas também calçada, iluminação de LED, galerias de água. Os municípios de até 20 mil habitantes não vão mais ter uma rua na área urbana com poeira e lama na porta das casas. Isso também é fruto do planejamento”, apontou o governador.

DESTAQUE NACIONAL – Também durante o Fórum Estadual de Gestores Públicos em Foz do Iguaçu, o governador recebeu um certificado pelos bons índices alcançado pelo Paraná no Ranking de Competitividade dos Estados. O certificado é uma análise abrangente feita pelo Centro de Liderança Pública (CLP) em parceria com a consultoria Tendências e a startup Seall.

No pilar da Solidez Fiscal, que integra o ranking geral, o Paraná demonstrou avanços importantes, com progresso em seis dos nove indicadores. Destes, um dos mais significativos é o Índice de Liquidez, que mede as obrigações financeiras do Estado em relação ao seu caixa bruto. O Paraná subiu cinco posições em relação a 2022 e conquistou o primeiro lugar entre as unidades federativas do Brasil no quesito. O Índice de Liquidez avalia a capacidade do Estado de cumprir obrigações financeiras com base em seus recursos disponíveis.

O Governo do Paraná também assinou um protocolo de intenções com a CLP para aumentar os esforços para mobilizar a causa da competitividade, bem como do desenvolvimento de lideranças e gestores em torno da atuação pragmática. Entre as formas de cooperação possíveis, que podem ser realizadas ao longo de três anos desse protocolo, estão ações conjuntas como reuniões, seminários, conferências, palestras, fóruns e congressos, além da coleta de dados no âmbito do Ranking de Competitividade dos Estados.

Tadeu Barros, diretor-presidente do CLP,  explicou que este é um passo extremamente importante para o Paraná. "O Estado busca melhorar e modernizar a gestão pública e, com o termo, vai poder ter contato com os técnicos para a mergulhar e entender quais são os melhores indicadores, quais são os grandes desafios. Então, é uma parceria para apoiar o Governo do Paraná e demonstrar quais são os melhores caminhos, quais os indicadores que precisam de um cuidado maior", disse.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.